Blog posts

Você sabia que o bebê deve ir ao odontopediatra a partir dos seis meses?

Você sabia que o bebê deve ir ao odontopediatra a partir dos seis meses?

Dicas da Mama, Saúde

Eu, Clau, fui ao denstista desde quando era bem pequena. Eu adorava ir ao consultório do tio Dráuzio e nunca fiquei com medo. Quando o Guigui nasceu, por orientação da pediatra, o levei ao dentista quando ele tinha sete meses. De lá para cá, visitamos o odontopediatra a cada seis meses. Todas as visitas foram de rotina, ele, até agora, nunca teve nenhum problema. E sabe de uma coisa? Ele adora ir ao dentista. E está ansioso pela visita da fada do dente hahahaha

Como acho este um assunto super importante, resolvi escrever este post. Um bate papo super informativo com a cirurgiã-dentista Sandra Aiosa. Abaixo fiz perguntas das quais eu tinha dúvidas e fiquei bem satisfeita com as respostas. Espero que vocês também gostem.

dra. Sandra Aiosa

– Qual a periodicidade de visita ao dentista até os cinco anos

É importante a visita semestral. Mesmo os dentinhos de leite necessitarão de limpeza e aplicação local de flúor. Além da motivação para higienização através da evidenciação de placa bacteriana.

– Criança deve usar enxaguante bucal?

Nunca.  Os enxaguantes matam as bactérias naturais da boca o que causa desequilíbrio. A saliva já tem poder bactericida. Se a saúde estiver bem, o fluxo salivar natural hidrata, protege e promove o início da digestão já na boca pela ação dos dentes triturando os alimentos. Os enxaguantes por “matarem” as bactérias naturais da boca desequilibram esse sistema.

– Qual a periodicidade de troca da escova de dentes?

O recomendado é a troca da escova de dentes a cada 30 ou 60 dias no máximo.

– O que fazer quando a criança cai e bate a boca/dente?

Tudo depende da extensão do trauma. O ideal é comunicar-se imediatamente com um  dentista que fará uma avaliação da gravidade do problema. Sempre que possível levar a criança imediatamente.

– Se a criança cai e quebra o dente o que fazer? hospital ou dentista?

Dentista urgentemente. E de preferência  com o pedaço  do dente quebrado mergulhado no leite.

– Criança deve usar pasta de dentes com flúor?

A pasta de dentes com flúor pode ser usada em mínimas quantidades, desde o aparecimento dos primeiros dentinhos aos seis meses. A indicação da Associação Brasileira de Odontologia é de 1/2 grão de arroz cru de pasta na escovinha de dentes, sobre os dentes, 3x ao dia. Mas, isso sempre com a supervisão de um adulto. Na medida em que os dentinhos vão aparecendo na boca e a criança vai crescendo, essa quantidade vai aumentando até 1/2 grão de ervilha cru, até os seis anos. E, daí para sempre o equivalente à um grão. Portanto, mesmo os adultos devem usar mínimas quantidades de pasta de dentes.

É importante ensinar a criança a cuspir toda espuma, pois engolir pasta de dentes pode causar fluorose. Uma anomalia de estrutura de esmalte irreversível.

Atenção!

O que remove a placa bacteriana é o movimento da escova sobre os dentes. A pasta é só um agente. Como se fosse um detergente, limpando um prato. A escova é a esponja, a pasta as gotas de detergente. Quem limpa o prato é a esponja não o detergente. Portanto, muita atenção com o flúor! Ele pode ser um grande aliado ou um vilão.

O flúor seguro é aquele passado semestralmente até os 18 anos no consultório odontológico sobre a supervisão do dentista.

#dicadamama  – no site da doutora www.saiosaodonto.com.br é possível baixar livros de orientação aos pais escritos por ela. Eles são divertidos e dá até para ler junto com a criança.

www.saiosaodonto.com.br

 

About the author

Ana Claudia Cukier, jornalista, tímida, madrinha de duas meninas lindas e doces e mãe do Guilherme. Hoje me realizo nas funções de mãe e blogueira e tenho certeza que a maternidade me deu paciência, uma virtude que eu não tinha e que hoje não consigo me imaginar sem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *