Blog posts

Excalibur – o show medieval no Beto Carrero

Excalibur – o show medieval no Beto Carrero

Dicas da Mama, Diversão, Viagem

Eu, Clau, já tinha ido ao Beto Carrero  e uma coisa que ficou na minha memória foi o show do Excalibur. E é claro que eu levei o Gui para assistir. Até porque durante o show é servido o almoço e assim fica mais fácil porque as crianças não têm que parar para comer. Além disso, o Gui está super na fase de lutas e disputas e achei que ele iria se divertir.

Eu já sabia que era um show medieval, com cavaleiros em disputas e que contava a história do Rei Arthur. Mas não imaginei que o Gui irir curtir o tanto que ele curtiu.

Excalibur fica na área da Vila Germânica dentro do parque, e a fachada é de um castelo medieval. Você já fica no clima desde a entrada onde tem uma guilhotina do lado de fora onde é possível tirar fotos. No saguão tem o trono do rei e também dá para tirar fotos.

Ingressos

Nós compramos o ingresso para o Excalibur logo que chegamos no parque, pois é uma atração paga à parte e como era na hora do almoço podia não ter mais ingressos. O ingresso tem um preço um pouco menor para crianças entre 4 e 9 anos. Já está incluso o almoço, que nós achamos bem servido. Mas a bebida é preciso comprar  o voucher na bilheteria do teatro onde acontece o show.

#dicamoms2moms: chegue com uns 30 minutos de antecedência para poder pegar um bom lugar.

Lugares

O melhor lugar, na nossa opinião, para assistir o show são as bancadas na cor vinho, onde nós sentamos. É bem localizado, bem no centro da arena e com vista de tudo que acontece durante a disputa.

Se você puder evitar a primeira fileira da arquibancada é melhor, pois tem a grade de proteção que pode atrapalhar um pouco a visibilidade das crianças.

Achamos que valeu muito a pena. Vale o custo benefício. A comida é gostosa e o show é beeem animado, com a galera gritando e torcendo pelo seu cavaleiro.

A torcida

Na hora de torcer pelo seu cavaleiro, são 6 no total, vale de tudo: grito, assobiu, bater os pés, bater palma, gritar, cantar, balançar os braços…enfim, o que você quiser fazer. Eu, Guigui, Vicky e Giu gritamos e nos divertimos demais no show. O Gui, durante as batalhas nem piscava, estava encantado.

#dicamoms2moms: chegar mais cedo faz com que você consiga almoçar antes do início do show, o que é uma ótima pedida. Na hora do espetáculo você poderá prestar atenção e torcer sem ter que se preocupar com a comida. Sem contar que a luz diminui e fica mais difícil de ver a comida no prato.

A comida

É servido um prato com arros, batatas-fritas, legumes, uma coxa de frango e um carne cortada em tiras. É bem saboroso.

O show

É um show super bem feito. Cavalos bonitos e cavaleiros bem treinados para as disputas e lutas entre eles. Durante a apresentação os cavaleiros mexem com as torcidas, fazem cara de mau, provocam o público, que fica com mais vontade ainda de torcer pelo cavaleiro de sua cor. Alguns efeitos também fazem a alegria da criançada. Efeitos de luzes e sons, e sangue deixaram o Gui com os olhos bem abertos e torcendo para, como ele mesmo disse, o bem vencer o mal.

#dicamoms2moms: se estiver na dúvida vá assistir ao show.

Na saída, bem em frente, tem uma lojinha com artigos medievais como fantasias, espadas, escudos, chaveiro e outras coisinhas. O Gui gostou tanto do show que quis comprar e já usar a fantasia de cavalero durante a tarde toda no parque.

 

About the author

Ana Claudia Cukier, jornalista, tímida, madrinha de duas meninas lindas e doces e mãe do Guilherme. Hoje me realizo nas funções de mãe e blogueira e tenho certeza que a maternidade me deu paciência, uma virtude que eu não tinha e que hoje não consigo me imaginar sem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *