Blog posts

Adereços de Carnaval, como glitter e cílios de LED, podem comprometer a visão

Adereços de Carnaval, como glitter e cílios de LED, podem comprometer a visão

Saúde

O Carnaval está aí e é hora de tirar a fantasia do armário, usar a criatividade e arrasar no make. Mas pra isso é preciso ter muito cuidado com os produtos que usamos, principalmente na área dos olhos. Eu, Clau, uso make bem leve, mas pra festa da folia até eu gosto de um make cheio e cores e brilhos. Tenho a pele super sensível e, também por isso, escolho e pesquiso sobre os produtos que eu uso. No make da folia eu usei os produtos da Mary Kay, marca da qual sou cliente e adorei o resultado.

Mas é bom estarmos atentas! Principalmente com as crianças e adolescentes.

Dá uma olhada no alerta da especialista em Plástica Ocular e Vias Lacrimais do Hospital CEMA, Rita de Cássia Lima Obeid.

Pedaços de plástico, folhas de alumínio, óxidos de ferro e bismuto, dióxido de titânio, todos pintados com cores vibrantes, metálicas e neon. Você usaria essa mistura nos olhos? Embora poucos saibam, essa é a composição do glitter, o hit do carnaval e de todos os eventos que demandam uma boa dose de brilho. No entanto, esse item tão radiante pode prejudicar os olhos, e até mesmo comprometer a visão.

Não somente ele, mas maquiagens de procedência duvidosa, cílios postiços ou de LED e spray de espuma também podem ser nocivos. “Esses materiais podem ser prejudiciais à vista, caso encostem na superfície da córnea, o que pode causar lesões, como infecções graves, que vão desde cicatrizes corneanas até a possibilidade de perda visual”, explica a especialista em Plástica Ocular e Vias Lacrimais do Hospital CEMA, Rita de Cássia Lima Obeid.

Make da Carnaval

Além do aspecto abrasivo desses itens, a não higienização correta pode levar bactérias e fungos aos olhos. E aí já sabe: é problema de saúde na certa. Os cílios postiços e os de LED, por exemplo, podem fazer a cola usada escorrer, causando problemas visuais. O mesmo acontece com o spray de espuma que, em contato com a córnea, causa irritação e até lesões mais graves, como queimaduras e úlceras. “Todos esses materiais, em excesso, podem atingir a superfície corneana e levar a quadros que vão, desde ceratites até úlceras”, explica a médica.

Para não acabar com a folia de ninguém em festas e no carnaval, é essencial proteger a visão desses componentes abrasivos. Além disso, não usar com muita frequência maquiagens pesadas, tais como cílios postiços e, quando colocá-los, tomar cuidado para a cola não escorrer para a superfície corneana. “Evitar o excesso, de maneira geral, é o mais recomendável. Fazer uma boa higiene do local com produtos apropriados e sempre retirar a maquiagem são algumas medidas a serem adotadas por quem vai curtir o carnaval”, detalha a especialista.

O importante é não deixar nada cair nos olhos, pois pode agredir e provocar doenças, atingindo a córnea, que é muito sensível. Para tirar o excesso, vale recorrer a um demaquilante cremoso e mesmo um pouco de condicionador. Tudo feito com muito cuidado para que a folia deixe na memória apenas lembranças boas.

Esses foram os produtos que eu usei. Adoro a marca

Sobre o CEMA

Referência no atendimento especializado de olhos, ouvidos, nariz e garganta há mais de 40 anos, o Hospital CEMA atende os mais variados planos de saúde e clientes particulares. O Hospital mantém a unidade e o pronto-atendimento funcionando 24 horas, 7 dias por semana. Possui ainda clínicas de especialidades complementares em cardiologia, neurologia (dor), fonoaudiologia, medicina do sono, bucomaxilofacial, cirurgia plástica estética, orientação nutricional, odontologia e ortodontia, com atendimento exclusivo com hora marcada, além de unidades ambulatoriais em todas as regiões de São Paulo e em São Bernardo do Campo, no ABC.

Para mais informações sobre o Hospital e seu braço social, o Instituto CEMA, acesse: http://www.cemahospital.com.br

 

About the author

Ana Claudia Cukier, jornalista, tímida, madrinha de duas meninas lindas e doces e mãe do Guilherme. Hoje me realizo nas funções de mãe e blogueira e tenho certeza que a maternidade me deu paciência, uma virtude que eu não tinha e que hoje não consigo me imaginar sem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *